Último artigo publicado em 2017 do nosso departamento científico da Base Vascaína, (Bone age and height prediction of young Brazilian goalkeepers) na revista International Journal of Sport, Exercise and Health Research. (Download na íntegra →https://goo.gl/JQwk7b). Ele aborda a maturação biológica em GOLEIROS, uma posição que é pouca estudada no futebol, ainda mais jovens goleiros. Precisamos compreender que essa posição ocorre o processo de um acompanhamento a longo prazo, pois as questões morfológicas e neuromusculares são requisitos mínimos para o sucesso dessa posição. O objetivo deste estudo foi analisar a relação entre a maturação esquelética e a idade cronológica, além de descobrir o poder do salto vertical em goleiros em diferentes divisões de idade juvenil em uma organização de futebol de elite. Usamos 31 jovens goleiros que saltaram o MY JUMP e fizeram a radiografia de punho onde usamos os protocolos Greulich e Pyle e Bone Expert para verificação da estatura prevista. Os resultados mostram que 83,87% da amostra está em estágio normal de maturação, 16,13% podem ser considerados precocemente em relação ao estágio maturacional e nenhum sujeito apresentou maturação tardia. Detalhes maiores no estudo. (Download na íntegra →https://goo.gl/JQwk7b).

Anúncios